Cuidados com o Pet durante o Verão


Com a chegada do verão as temperaturas estão subindo e com elas aumenta nossa preocupação com o bem-estar dos animais domésticos. Assim como as pessoas os animais de estimação também precisam se adaptar ao calor e a umidade. E pequenas alterações na rotina garantem a saúde de cães e gatos.

Ao contrário dos humanos, cachorros não transpiram pela pele, mas sim pelo coxim, aquela almofadinha da pata, pelo focinho e pela boca – por isso o cão coloca a língua para fora da boca.

Listamos abaixo alguns cuidados e dicas que melhoram o bem-estar dos animais durante a estação mais quente do ano.

Se você tem piscina em casa, pode deixar os bichinhos brincarem nele durante o verão! Só é preciso tomar cuidado para que eles não ingerem a água da piscina, que é cheia de cloro e outras substâncias prejudiciais à saúde de seu pet. Além disso, secá-los bem é muito importante! Dependendo do tipo e da quantidade de pelo, a exposição ao sol não vai ser o suficiente para deixá-los sequinhos. Por isso, utilize uma toalha e dê bastante atenção às orelhas para evitar otites. Se a raça do seu cachorro possui dobrinhas na pele, também se atente para prevenir doenças relacionadas.

É importante que os pets tenham sempre água fresca e limpa disponível. O ideal é trocar a água do cachorro assim que ela começar a esquentar. Para quem passa o dia fora de casa, a dica é espalhar vasilhas com água em lugares com menor incidência de luz.

Os pets precisam receber, no mínimo, 60 ml de água a cada quilo que possuem, por dia. Durante o passeio, a hidratação é essencial, por isso não se esqueça de levar água fresquinha para os bichinhos.

Hidratar durante os passeios também é muito importante. Fique atento ao horário do passeio. O ideal é levar os pets para dar uma volta de manhã cedo ou aproveitar o horário de verão e fazer o passeio no fim da tarde. O asfalto quente pode causar queimaduras nas patinhas.

Nada de deixar o pet no carro! É comum que os donos dêem uma paradinha para ir à farmácia, à padaria ou ao banco e deixem o cãozinho dentro do carro fechado. Isso é muito perigoso, pois a sensação térmica do ambiente para o animal se torna a mesma de uma sauna, ocasionando a queda de pressão do pet e até mesmo um desmaio ou uma parada cardíaca.

Então não façam isso de jeito algum!

A tosa refresca o animal e facilita o banho. Ela é recomendável principalmente para cães de raças mais peludas, como o golden retriever e o husky siberiano, e até para gatos de pelagem cheia, como o persa. A chamada tosa higiênica, aquela que corta os pelos da região do ânus e dos órgãos genitais, é indicada para a higiene de raças menores, como shih-tzu e lhasa apso. 

Os pets também precisam se proteger contra o câncer de pele, então use protetor solar. A recomendação é que faça a aplicação do protetor solar principalmente para cães e gatos de pele clara (a cor da barriga do pet indica se ele se inclui nessa categoria), que sofrem mais com a incidência dos raios solares. O filtro deve ser aplicado em regiões sem pelos, como focinho e orelhas, em média a cada duas horas – ou menos, em caso de contato com água.

Não se deve usar o protetor solar de humanos – o produto feito especialmente para animais não oferece riscos de intoxicação se for lambido pelos bichos.

No verão, cães e gatos podem e devem tomar, em média, um banho por semana. Além de contribuir para a higiene, o hábito refresca os animais. A recomendação é lavá-los com água em temperatura ambiente e xampu especial para pets, neutro e hipoalergênico.

É preciso secar bem o bicho para evitar a umidade, condição que favorece o aparecimento de parasitas. Depois de tirar o excesso de umidade com uma toalha, veterinários sugerem utilizar um secador de cabelo em uma temperatura média, a uma distância de pelo menos um palmo do corpo. 

Para completar, reforce a proteção contra pulgas e carrapatos, que se proliferam mais facilmente nesta época do ano.

Passe no LojaAgropecuária e encontre os melhores produtos para seus pets passarem o verão sem nenhum problema!

Comentários

Veja também

Mastite clínica e mastite subclínica: sintomas, prevenção e tratamento

VetBR promove palestra sobre Comportamento Animal em Belo Horizonte

VetBR é o Distribuidor que mais faturou em 2018 na Rede do Campo.